segunda-feira, 27 de outubro de 2008

The doors


Eu sou daqueles, como Tim Maia, que acredita que toda grande obra vem da tragédia. Isso justifica minha falta de postagem aqui.
Estou num momento onde a tristeza e os problemas nem se resumem a pedras no meu caminho. Me divirto com todo teatro dramático pseudo-virtual crtl+f humano, e ser uma estrela como Charlie Chaplin não é para todos. E com o meu silêncio é que eu venho respondendo.
Ontem eu vivi um grande Déjà-vu, não desses que quando você fala 'eu já vi isso' tudo para, foi uma sequência! Dos meus pensamentos mais loucos; Essa sensação era que realmente eu já havia passado por aqui, vim do futuro para desfazer alguma ação que mudaria minha vida toda, hoje, não sei. Creio que consegui... isso é bobagem.

Do meu último texto, apenas um verso incompleto. 'Qualquer coisa maior que teu mundo que caiba em meus olhos.'.Como a miopia.



P.s: Ainda continuo comendo pizza para escrever, pois as drogas que abrem a porta da percepção fecham várias outras.

2 comentários:

αmαndα ~ disse...

eu também quero pizza! :)

Anônimo disse...

Desculpe a demora! Andava muito ocupada e acabei deixando o blog pra segundo plano ... mas estou de volta!
Passa no meu depois, tem novidades ;)
Beijao!